buscar
´

Transporte público será gratuito… em Luxemburgo

Todos já sonharam com um transporte público de qualidade e com preços extremamente baixos e acessíveis. Os transportes públicos ajudam na facilidade de locomoção pela cidade, além de serem menos poluentes que os veículos convencionais como os automóveis.

Automóveis
3 meses atrás
Transporte público será gratuito… em Luxemburgo

Dá para imaginar como seria se o transporte público fosse gratuito? Enquanto esta ideia continuará a ser uma utopia por muito tempo para nós brasileiros, já se tornou realidade em Luxemburgo, um pequeno país europeu localizado entre a Bélgica, França e a Alemanha.

Sobre Luxemburgo

Antes de tudo, devemos deixar uma coisa bem clara: Existe o país Luxemburgo que sua capital possui o mesmo nome do país. Neste caso, estaremos falando do país em si, não apenas da cidade.

Luxemburgo (país) conta com uma população de 600 mil pessoas, um número relativamente baixo quando comparado com os 2 milhões da cidade de São Paulo. Apenas na capital, existem 110.000 pessoas vivendo por lá.

A cidade de Luxemburgo é muito conhecida por conta de sua arquitetura medieval, que atrai turistas de todo o mundo por sua beleza, além de seus penhascos muito íngremes que formam uma belíssima paisagem.

Estratégia política ou solução?

Já dizia o político Augusto Nardes que “Um país desenvolvido não é aonde o pobre tem carro, mas sim aonde o rico anda de transporte público”. Pelo visto, esta frase não poderia ser melhor aplicada no cenário ao qual Luxemburgo está inserido atualmente.

Com a reeleição do primeiro-ministro Xavier Bettel, a coalizão do governo foi formada pelos partidos Partido Socialista dos Trabalhadores de esquerda e os Verdes, ambos partidos com ideias voltadas à esquerda. Em sua campanha, Bettel e seus aliados foram enfáticos ao afirmarem que realizariam grandes mudanças no âmbito do meio ambiente no país caso o mesmo fosse reeleito para seu segundo mandato.

Como uma das medidas, o governo concluiu que o excesso de carros no país resultava em uma poluição extremamente desnecessária. Para se ter ideia, a cidade de Luxemburgo possui um dos piores trânsitos do mundo muito por conta de diversas pessoas dos países vizinhos irem trabalhar na cidade e voltarem a noite para seus respectivos países. Estima-se que cerca de 400 mil pessoas trafeguem por dia na capital (vale lembrar que a cidade tem 110 mil habitantes e o país 600 mil).

De acordo com o governo, com a gratuidade de todos os transportes públicos, o país ficará livre de um excesso de carros nas ruas e incentivará as pessoas a utilizarem cada vez menos seus veículos particulares. Além disso, também vale ressaltar que mesmo com o baixo preço já cobrado (2 euros por viagem de 2 horas), a gratuidade também ajuda o governo a ter uma imagem boa perante a população.

Como funcionará a mudança?

Mas calma, esta mudança não ocorrerá da noite para o dia por lá. Aliás, será uma mudança gradativa que irá ocorrer até que o objetivo de zerar o preço das passagens seja executado com sucesso.

Para utilizar como teste da ideia, o governo liberou que crianças e jovens com até 20 anos pudessem utilizar o transporte público de forma gratuita durante o verão, fazendo os mesmos poderem aproveitar suas férias e medindo se a decisão da gratuidade poderia ser realizada corretamente. Atualmente, os alunos não pagam suas passagens no trajeto de ida e volta para a escola.

A intenção é que, a partir de 2020, a tarifa já seja extinta para todas as pessoas visto tamanho sucesso da ideia mundo a fora e a adesão do público, que muito provavelmente irá considerar utilizar o transporte público. Ajudar a diminuir o trânsito, a poluição, economizar dinheiro e não precisar pagar nada por isso? Realmente são pontos muito interessantes que, se o governo de Luxemburgo conseguir implantar, serão muito importantes para o mundo futuramente.

*Com informações do The Guardian.

Vendas do Novo Corolla 2020 superam expectativas da montadora
A 12ª geração do veículo mais vendido do mundo estreou no País como um divisor de águas na indústria automotiva brasileira. Pela primeira vez na história, um veículo...
Jeep Compass chega como um SUV de respeito
O Jeep Compass está com a linha 2020 à venda nas 191 concessionárias da marca ao mesmo tempo em que acumula mais uma conquista, depois de ser o SUV mais vendido no mercado...
Não fez recall? Agora vai ficar registrado no documento do veículo
A nova regra começou a vigorar no dia 1 de outubro de 2019. Havendo a falta de recall no prazo de um ano, haverá uma anotação da ausência no Certificado de Registro e...
Conheça a Tarok, a nova picape da Volkswagen
Paralelamente as SUVS, o mercado de caminhonetes também vem crescendo cada vez mais no mundo. De olho nas mais diversas oportunidades desse mercado (principalmente no Brasil), a...
Honda NC 750X 2020 chega com novos grafismos
Visando ampliar sua dominância em seu segmento, a Honda anunciou a linha 2020 do modelo NC 750X, que chega ao mercado trazendo algumas alterações que podem ajudar a impactar as...

O Fusne é um site para quem ama internet, nós somos especializados em testar apps e tudo mais que envolve tecnologia. O que você vai encontrar por aqui é escrito por humanos, que vivem fazendo compras online, assim como você, então entende as suas dificuldades e felicidades nessas horas. O material do Fusne é testado várias e várias vezes pela equipe...